Você sabia que existe pediatria veterinária?


O surgimento da pediatria como especialidade da Clínica Médica de Pequenos Animais representa uma evolução para a medicina veterinária ocorrida nos últimos anos, tem como objetivo cuidar dos animais mais novos, especialmente os neonatos, gerando uma demanda cada vez maior por profissionais capacitados. durante a evolução da Medicina Veterinária.

Este segmento ganhou força principalmente depois de verificado um alto índice de mortalidade de filhotes, os quais requerem atenção especial e veio atender às necessidades de conhecimentos que melhorassem os cuidados no manejo dos neonatos e os cuidados pediátricos minimizando a mortalidade de filhotes. Estima-se uma alta mortalidade de filhotes de cães e gatos antes do desmame, e possivelmente este número aumente até antes da puberdade.

A neonatologia e pediatria canina e felina requerem do médico veterinário cuidados especiais durante as fases de seu desenvolvimento, verificando o tamanho da ninhada, idade, condição corporal, alimentação, tamanho e aparência do filhote em relação à ninhada, local onde fica, freqüência da alimentação, acesso às mamas e atitude do filhote e da ninhada.

Após o parto é importante realizar a inspeção de cada filhote recém nascido, para verificação de seu estado assim como imperfeições que necessitem cuidado veterinário, além obviamente, de assistência para sua amamentação nos primeiros momentos, colocando-os diretamente nas mamas da mãe, previamente deitada em

A pediatria veterinária deve incluir os aspectos fisiológicos do crescimento e os patológicos das doenças e também o estudo das necessidades ambientais do desenvolvimento psíquico e da evolução da conduta do cão e do gato. Sendo assim a pediatria veterinária representa o estudo das circunstâncias de um filhote desde o nascimento até a puberdade.

Na prática veterinária, cuidados pediátricos com os cães e gatos ocorrem do nascimento até os 6 meses de idade. Os filhotes devem ser vermifugados com 2-3 semanas de vida a critério do médico veterinário. A primeira vacina, normalmente ocorre às 6 semanas de vida (45 dias). Deve ser realizado um exame físico completo, verificando-se condições mentais, postura, locomoção e respiração. Um neonato saudável é firme, rechonchudo e vigoroso. O choro ocorre em resposta a dores, frio, falhas na amamentação, ou pouco contato com a mãe.

Para garantir um diagnóstico adequado o pediatra veterinário, além dos conhecimentos prévios sobre temas relacionados ao desenvolvimento, tais como peso, aspectos fisiológicos, amamentação e alimentação, entre outros, além do preparo para o diagnóstico de doenças, que podem atingir o animal nas fases de nascimento até a adulta, estar com equipamento de altíssima qualidade é fundamental. 

Fonte: Rio Verde Agora com adaptação de Vida Pet News

Qual Sua Reação? :O

Ruim Ruim
0
Ruim
Fofo Fofo
0
Fofo
Nerd Nerd
0
Nerd
LOL LOL
0
LOL
Amei Amei
0
Amei
Omg Omg
0
Omg
Triste Triste
0
Triste
Assustador Assustador
0
Assustador
Wtf Wtf
0
Wtf
Paulo do Amaral

Jornalista fundador do Vida Pet News - O Portal Capixaba de noticias dos animais - https://www.facebook.com/VidaPetNews

Comments 0

Você sabia que existe pediatria veterinária?