Proprietário de canil clandestino é preso por maus-tratos

Um canil clandestino foi fechado e o proprietário do local foi preso, nesta quinta-feira (14), após denúncias anônimas. Segundo a Polícia Civil, o homem, de 44 anos, mantinha o canil irregularmente, sem a autorização dos órgãos ambientais, no bairro Colônica Murici, em São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba.

No local, os policiais encontraram animais em situação de maus-tratos e uma ave silvestre aprisionada. O canil estava, segundo a polícia, em “péssimas condições sanitárias”, com água insalubre e espaço físico insuficiente para a quantidade de animais – foram encontrados mais de 30 cães no local. Os animais eram de diversas raças, entre elas rottweiler, doberman, yorkshire e american bully.

Foto: PC-PR

A polícia encontrou, ainda, um gavião da espécie pinhé, preso em uma gaiola, o que também caracteriza crime, pois se trata de posse de um animal silvestre sem autorização da autoridade competente.

Foto: PC-PR

O homem, agora, deve responder pela prática de maus-tratos contra os cães e por manter animal da fauna silvestre sem autorização em patrimônio privado. Além da sanção penal, ele também receberá um multas impostas pelo Município de São José dos Pinhais e pelo Instituto Ambiental do Paraná.

A ação foi realizada em conjunto com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente de São José dos Pinhais.

Foto: PC-PR

maus-tratos a animais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *